quarta-feira, 22 de junho de 2016

Rosca de Polvilho

Quando postei no instagram (me segue @nutrirafaela) a foto da rosca de polvilho, muita gente me pediu. E aqui vai, mas antes só queria contar um pouco da história. 

Meu bisavó teve um Engenho de Farinha de Mandioca, imagina se a família não é viciada em farinha? Minha bisavó era uma cozinheira de mão cheia. Alguns meses atrás a família Telles e Silva se reuniram para confraternizar, e o café da tarde foi: ROSCA! Aproveitei que as tias do meu pai estavam e improvisamos uma aula de gastronomia

A primeira versão é da Tia Neusa - usa saco de confeitar (massa mole)




Ingredientes: 
1kg de polvilho azedo
2 1/2 xícaras de leite ou água
1 1/2 xícara de óleo
2 xícaras de água fervendo
2 ovos batidos
1 col. sopa rasa de sal
1 col. de chá de açúcar









Modo de preparo: 
1) Colocar o polvilho na bacia (reserve uma pequena quantidade porque poderá precisar para dar liga). 
2) Na bacia separe uma parte para acrescentar o óleo, ovos, açúcar, sal, o leite e misture bem.
3) Na outra parte do polvilho acrescente a água fervida e ajude escaldar com uma colher e misture todo os outros ingredientes. 
Observações: Essa receita fica em consistência mole, você vai precisar usar um saco de confeitar. Para assar é só pré-aquecer o forno, colocar a massa em uma forma e manter em temperatura alta, até crescer e ficar mais "dourada".






A segunda versão é da Tia Ana - pode congelar

Ingredientes: 
1kg de polvilho azedo
1/2 xícaras de água (temperatura ambiente)
1/2 xícara de óleo
1 xícara de água fervendo
2 ovos batidos
1 col. sopa rasa de sal
1 col. de chá de açúcar

Modo de preparo: 
1) Colocar o polvilho na bacia (reserve uma pequena quantidade porque poderá precisar para dar liga). 
2) Na bacia separe uma parte para acrescentar o óleo, ovos, açúcar, sal, misture bem.
3) Na outra parte do polvilho acrescente a água fervida e ajude escaldar com uma colher e misture todo os outros ingredientes. No final acrescente aos poucos a 1/2 xícara de água até dar o ponto. 
4) Essa receita fica parecida com uma massinha de modelar. Você pode enrolar cortar do tamanho que achar melhor, se quiser congelar, leve ao freezer (como a foto), espere endurecer e depois armazene em sacos plásticos.
Para assar é só pre aquecer o forno, retirar as roscas do congelador e colocar direto em uma forma e manter em temperatura alta, até crescer e ficar mais "dourada".


Dicas: 
* Já fiz algumas mudanças acrescentei semente de chia, acrescentei orégano, outra versão diminui o sal  e aumentei um pouco o açúcar, coloquei sementes de erva-doce. 
* Como o polvilho tem alto índice glicêmico (farinha branca) o ideal é acompanhar como lanche uma fruta ou porções de castanhas, por exemplo.











Se ficou alguma dúvida sobre a receita escreva nos comentários! 
Espero que gostem.

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Benefícios do Consumo do café

Ah, o cheirinho do café...

Você sabia que esse grãozinho que exala um cheiro maravilhoso pode trazer muitos benefícios para saúde?


Algumas curiosidades:

  • Quando falamos em café, lembramos imediatamente da substância cafeína (é a mais estudada), mas você sabia que existem outras como: polímeros, fenólicos, ácidos clorogênicos, lipídios, terpenos, que tem ação antioxidante, antibiótica, anti-hipercolesterolêmica?
  • Quando ingerida (cafeína) é rapidamente absorvida no intestino e alcança a corrente sanguínea em um período de 15 à 20 minutos.
  • O teor de cafeína pode alterar conforme a espécie, método de cultivo, condições de crescimento..
Café x Concentração: a cafeína age no sistema nervoso central promovendo ação estimulante, por isso é relacionada a uma melhora da concentração, atenção e diminuição da sonolência e cansaço. 

Café X Sistema Cardiovascular: Hipertensos, Fumantes ou Pessoas sujeitas ao excesso de estresse, deve consumir com moderação porque podem ser mais suscetíveis ao efeito vasopressor da cafeína. 

Café x Depressão: cafeína libera norepinefrina e serotonina no cérebro e produz efeito positivo sobre o humor.

Café x Diabetes tipo 2: alguns estudos mostram benefício ao consumo de café (3 à 4 xícaras pequenas/dia) na redução da incidência de Diabetes tipo 2, pelo alto teor de ácidos clorogênicos que auxiliam na regulação do nível de glicose e ou redução da glicose hepática.

Café x Antioxidante: fonte de composto fenólico que tem papel antioxidante, ou seja protege as células contra danos, esses que por sua vez podem levar ao desenvolvimento de muitas doenças.

Vale lembrar que a palavra chave é: MODERAÇÃO! Procure um profissional nutricionista e verifique todas as possibilidades e benefícios de acrescentar essa bebida à sua rotina.

terça-feira, 31 de maio de 2016

Coach em Nutrição e Saúde

Bom dia, 

Esse ano comecei um curso de Coach em Nutrição ministrado pela nutricionista Isis Moreira do Professional Nutrition Coaching. Mas antes de continuar o texto, gostaria que você olhasse a imagem abaixo para entender os conceitos de: Coaching, Coach e Coachee.


Resumindo, o Coaching é uma conversa estruturada com técnicas e metodologias, que leva o cliente/paciente a atingir seu objetivo por meio de definição de metas claras e implementação de planos de ação. É um trabalho onde o cliente/paciente vai aprender mais sobre ele mesmo e conseguir tomar melhor as suas decisões, porque quanto maior a autoconsciência/autoconhecimento, mais controle terá da sua vida e consequentemente terá resultados mais satisfatórios.

Durante esses 7 anos de atuação em consultório algumas questões sempre me instigaram e muitas vezes me desmotivaram como profissional: o porque da baixa adesão dos clientes ao tratamento, porque desistem tão rápido, porque não conseguem mudar os seus hábitos mesmo com acesso a tantas informações, porque não conseguem seguir um plano alimentar. Com essas perguntas em mente comecei a pesquisar o que poderia fazer para melhorar essa situação e me identifiquei com o Coaching. Percebi que ao agregar novos métodos durante a consulta posso estimular e auxiliar o meu cliente/paciente a tomar ATITUDE, APRENDER A AGIR, ASSUMIR RESPONSABILIDADE e EXECUTAR suas metas para alcançar o SEU OBJETIVO, ou seja autorrealização. Esse era o X da questão que estava procurando, por que nós nos comprometemos muito mais com algo que ajudamos a construir do que com ideias, receitas prontas. 

E esse é minha função como nutricionista e Coach em Saúde, é gerar perguntas e pensamentos que provoquem em você novos pontos de vista, que melhore o seu foco e planejamento do dia-a-dia, estimule a sua transformação.

Ficou interessado? Entre em contato via email: nutricionistarafaeladasilva@gmail.com e poderei lhe passar mais informações.

Abraço,

segunda-feira, 23 de maio de 2016

Alimento Diet ou Light, qual escolher?

Respondendo a pergunta do título do post, qual alimento devo escolher, DIET ou LIGHT?Sinceramente? NENHUM DOS DOIS, dê preferência ao alimento in natura, ou minimamente processado (aquele que a lista de ingredientes é pequena), que você consegue identificar todos os nomes descritos na lista e que provavelmente tem aí na sua casa, ou seja, com COMIDA DE VERDADE! 

Você acha que ao consumir produtos DIET  e/ou LIGHT está fazendo uma boa escolha?


Antes de tudo, é importante entender alguns conceitos:
  • DIET: é uma expressão usada para alimentos para fins especiaisou seja, aqueles especialmente formulados ou processados a fim de atender às necessidades nutricionais de pessoas em condições metabólicas e fisiológicas específicas, como por exemplo, diabéticos e hipertensos. É um produto que a indústria retirou um nutriente específico "como o açúcar ou sódio" e colocou outro no lugar. MAS ATENÇÃO, a expressão diet nas embalagens não necessariamente significa que o produto é menos calórico ou mais saudável. Que um exemplo? Um chocolate zero açúcar tem um teor maior de gordura saturada quando comparado à versão original. Fique atento à lista de ingredientes e tabela nutricional para verificar a qualidade do produto. 

  • LIGHT é um sinônimo de “reduzido”, o produto tem que ter no mínimo 25% a menos de um determinado nutriente (açúcar ou sódio ou outros, por exemplo) em comparação com o item convencional da mesma marca.
  • Alimentos Ultraprocessados: são formulações industriais feitas inteiramente de substâncias extraídas de alimentos (óleos, gorduras, açúcar, amido, proteínas), derivadas de constituintes de alimentos (gorduras hidrogenadas, amido modificado) ou sintetizadas em laboratório com base em matérias orgânicas como petróleo e carvão (corantes, aromatizantes, realçadores de sabor e vários tipos de aditivos usados para dotar os produtos de propriedades sensoriais atraentes). Exemplos: biscoitos, sorvetes, balas e guloseimas em geral, cereais açucarados para o desjejum matinal, bolos e misturas para bolo, barras de cereal, sopas, macarrão e temperos ‘instantâneos’, molhos, salgadinhos “de pacote”, refrescos e refrigerantes, iogurtes e bebidas lácteas adoçados e aromatizados, bebidas energéticas, produtos congelados e prontos para aquecimento como pratos de massas, pizzas, hambúrgueres e extratos de carne de frango ou peixe empanados do tipo nuggets, salsichas e outros embutidos, pães de forma, pães para hambúrguer ou hot dog, pães doces e produtos panificados cujos ingredientes incluem substâncias como gordura vegetal hidrogenada, açúcar, amido, soro de leite, emulsificantes e outros aditivos (Guia Alimentar População Brasileira, 2015).


   Para quem precisa consumir os produtos Diet, sugiro procurar um profissional nutricionista para poder receber as orientações individuais quanto ao uso. E para quem está acostumando a consumir porque achava que estava fazendo uma boa escolha, "economizando" umas calorias, vou dar um conselho: fique bem longe dos produtos ULTRA PROCESSADOS, inclusive DIET E LIGHT. Não se deixe enganar pelos rótulos atrativos, cheio de informações apelativas para tentar te seduzir e induzir ao erro. Lembre-se "Quanto mais longa a vida de um alimento, mais curta é a sua". Para o alimento durar mais tempo nas prateleiras a indústria acrescenta muitos conservantes artificiais, gorduras trans, aumenta a quantidade de sódio.
        Fique de olho na lista de ingredientes, se estiver cheia de nomes "esquisitos" que você não reconhece, devolva na prateleira, garanto que suas células vão agradecer! Esses compostos artificiais sobrecarregam o funcionamento do seu metabolismo, dificultando o emagrecimento, prejudicando a sua saúde em geral...

Quer ler o Guia Alimentar da População Brasileira versão 2015? Clique AQUI

#comacomidadeverdade #fujadosindustrializados #cozinhemais